terça-feira, 27 de dezembro de 2011

angustia...

as vezes acordo sem luz a sensação é de nada
um nada perene
dói...
é um sentimento sem objeto
é vazio interior

mas se não há nada posso tudo?
há plenitude de possibilidades?
há mais horizontes que universos?
há multiversos?

a angustia é um caminho e não um beco sem saída
espiritualidade é a bussola
a comunhão transcendente com o além do Homem e com o Homem,
a comunhão como imanência com o além do Homem e com o Homem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário