sexta-feira, 25 de novembro de 2011

desimportância

As vezes quando as coisas dao errado parece que o relógio para e eu fico flutuando num vazio sem sentido desejando apenas cair infinitamente e ser esquecido definitivamente...
Nesses momentos sou eu mesmo, infeliz e solitário.
Nesses momentos sei o que sou e reconheço a minha desimportancia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário